Um Clube Jovem e Dinamico, virado para a Natureza, para a Juventude e para o Futuro Desportivo no Alentejo!
publicado por CNAlvito | Domingo, 17 Janeiro , 2010, 22:50

 

16/17 Janeiro 2010

Mais uma boa organização do CNAlvito!

Após três anos a liderar a classificação de Avaliação da organização de provas da Taça de Portugal de Ori-BTT, o Clube, em parceria com o Município de Grândola preparou para os praticantes desta disciplina da Orientação, mais uma dupla jornada de boa qualidade analizada quer sob o prisma técnico-desportivo quer sobre o prisma logístico-social.

A prova integrou duas etapas, qualquer delas de distância longa (o que é raro): a primeira no mapa de Melides, a partir de Vale Figueira e a segunda, em mapa novo, a partir do Canal Caveira.

O tempo chuvoso que antecedeu o evento, durante longas semanas, marcou de forma determinante o seu carácter. O terreno, além das dificuldades naturais de relevo, apresentava-se extremamente lento pela acumulação de água, aumentando de forma significativa o tempo de realização de todos os percursos.

A organização, no entanto, beneficiou da bondade de S. Pedro e realizou o evento praticamente sem o incómodo da chuva!

A 1ª etapa foi mais longa e os participantes chegavam ao fim com uma carga física bastante evidente, apesar da satisfação genérica pelos percursos traçados. A concentração ocorreu num espaço amplo (campo de futebol) com refeições económicas servidas pelo G D Vale Figueira, banhos no local e oferta de "casqueiro" (pão pequeno) a todos os participantes pelo nosso atleta e amigo Inácio Serralheiro.

O pessoal teve acomodações nocturnas, como é hábito, na Escola Secundária de Grândola.

À noite decorreu um colóquio sob o tema da Qualidade das Provas de Ori-BTT, pouco participado mas muito dinâmico. Que pena os organizadores de provas e os avaliadores não estarem presentes.

A 2ª etapa que  se centrou no Canal Caveira, com a colaboração da A D Canal Caveira no serviço de Bar, teve necessidade de ser adiada por 1/2 hora, pois aconteceu um percalço com a carrinha que apoiava a montagem dos percursos. E, teve também de ser efectuado o seu "finish" antes da travessia da Ribeira de Grândola que se apresentava com caudal intransponível.

Os vencedores das elites foram os habituais Daniel Marques do COC e Susana Pontes do CPOC, entre 255 participantes (cerca de 300 inscrições).

A entrega de prémios teve a presença do Presidente da Câmara de Grândola, entre outras individualidades locais apoiantes (Juntas de Freguesia de Melides e Grândola) e do Presidente da FPO.

O saldo final apresenta-se bastante positivo, com a sensação de se ter, mais uma vez, apresentado aos participantes um "bom produto" e a satisfação de ter cumprido!

Vencedores

Formação M/F: João Polido (GDU Azoia/Sesimbra) e Ana Rocha (CIMO/Almada);

H 17: Pedro Neves (COC/Leiria);

H/D 20: João Palhinha (CP Abrunheira) e Ana Filipa Silva (CPOC/Estoril);

H/D 21 E: Daniel Marques (COC) e Susana Pontes (CPOC);

H/D 21 A: Paulo Pina (BTT Loulé) e Paula Brandão (ADA Desnível);

H 21 B: Pedro Gomes (CPOC);

H/D 35 A: Alexandre Reis (ADFA/Évora) e Ana Gomes (BTT Loulé);

H 40 A: Leandro Silva (CN Alvito);

H/D 45 A: José Silva (ATV/Torres Vedras) e Luísa Mateus (COC);

H 50 A: Luís Sousa (Club TAP/Lisboa);

H 55 A: Armando Santos (CP EDP/Sines);

Equipas: COC / Leiria.

 

A participação dos nossos atletas

O Clube, com quase todos os atletas envolvidos na organização, esteve, obviamente, pouco representado, mas é de realçar a prestação do Leandro que esta época se apresentou em muito boa forma e tem somado vitórias atrás de vitórias. A Margarida também obteve um bom resultado, mesmo tendo furado na 1ª etapa.

Resultados dos atletas do Clube

H21E: 20º Inácio Serralheiro;

D35A: 5ª Isabel Novo;

H40A: 1º Leandro Silva;

D45A: 2ª Margarida Novo;

H50A: 10º António Rosa;

OPT3: 5º Carlos Fernandes.

JP/


mais sobre mim
Janeiro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30



pesquisar neste blog
 
blogs SAPO